Mais investimentos necessários para combater pobreza no Méxi

Cidade do México, 24 mar (Xinhua) -- O objetivo do atual governo mexicano de reduzir a pobreza requer mais investimentos públicos e privados, disse no domingo o Centro de Estudos Econômicos para o Setor Privado (CEESP).

Em seu relatório semanal, o Centro de Estudos Econômicos para o Setor Privado (CEESP) disse que existe um consenso de que o fortalecimento do investimento produtivo e o crescimento do emprego são formas sustentáveis de reduzir a pobreza.

"O padrão mais frequentemente observado é que a pobreza é reduzida de forma permanente nos casos em que o crescimento econômico é sustentado", disse o relatório.

Citando números do Conselho Nacional de Avaliação da Política de Desenvolvimento Social (Coneval), o CEESP disse que, em 2016, o número de pessoas em situação de pobreza moderada e extrema no México foi de 44 e 9,4 milhões, respectivamente.

A população com menos de 18 anos que vive na pobreza, que tem problemas de acesso a alimentos, encontra maiores obstáculos para obter suas vantagens competitivas, disse o CEESP.

"Tudo isso representa uma importante área de cooperação entre os setores público e privado, na formulação de acordos e estratégias e na definição de um projeto nacional compartilhado", disse o CEESP.

A economia do México, a segunda maior da América Latina depois do Brasil, cresceu 2% em 2018. A administração do presidente Andrés Manuel López Obrador prevê um crescimento econômico semelhante para este ano.

相关阅读